Cheganos Oficiais, Rui Paulo Sousa

Deputado do Chega eleito por Lisboa vai responder em março por processo de incumprimento de uma pensão de alimentos

Rui Paulo Sousa, segundo deputado do Chega eleito pelo círculo de Lisboa nas Legislativas de 2022, vai responder no dia 11 março no Tribunal de Santarém por um “processo de incumprimento de uma pensão de alimentos”.
Há mais de meio ano que essa acusação já circula por meio de vários ex-dirigentes e militantes da oposição interna, como foi o caso de Irene Martins, ex-militante do Chega por Beja, em julho do ano passado, ou por parte do ex-líder do Chega Porto que no inicio de outubro o acusou de “nem pai saber ser“, no entanto a notícia só chegou à imprensa através da Sábado, quase uma semana depois das eleições.
Segundo fonte não confirmada, estava marcado para dias antes das eleições uma audiência, mas não se realizou. No dia 27 de janeiro, José Lourenço, ex-líder do Chega Porto, escreveu na sua página:

Rui Paulo Sousa, número 2 pelo Chega por Lisboa, mandatário financeiro, que no fundo é o mesmo que ter o Paulo Pedroso à frente da Casa Pia. É uma vergonha para o Chega, para os homens de bem e para Portugal.
Parece o Ricardo Salgado, fica doente quando tem de enfrentar a justiça. Mas está óptimo para andar em campanha e ser o D. Juan de serviço.
No foto, vemos o ar abatido e doente do ilustre. Só tenho uma palavra: VERGONHA!

O ex-dirigente do Partido Aliança defende-se e disse à revista do Grupo do Correio da Manhã que nunca deixou de pagar a pensão ao filho de 16 anos e que o que está em causa é um pedido de alteração do montante feito pela ex-mulher.
Rui Paulo Duque Sousa, atualmente Presidente da Comissão de Ética do Chega, famosa pela sua Lei da Rolha que expulsou e suspendeu dezenas de militantes, foi também acusado no inicio de dezembro de ter assediado jovens militantes do partido de André Ventura.

PODE QUERER VER TAMBÉM:

Presidente da Comissão de Ética do Chega acusado de ter assediado jovens militantes

Militante do Chega em Beja revela os “podres” dos Braços direito e esquerdo de André Ventura

Ex-Presidente do Chega Porto vai exigir responsabilidades à ilegal Comissão de Ética e ao “sujeito que nem pai sabe ser”

Leave a Reply