André Ventura, Cheganos Oficiais, Francisco Rodrigues dos Santos, José Lourenço

André Ventura criticado por vestir uma farda que não mereceu “Ultrajante”

André Ventura já tinha 21 anos quando o Serviço Militar Obrigatório acabou em Portugal, mas nunca foi à tropa, no entanto hoje vestiu um uniforme militar oferecido por alguns ex-Combatentes do Ultramar, o que provocou algumas reações de quem teve que fazer para merecer vestir a farda.
Foi o caso de Francisco Rodrigues dos Santos, líder do CDS, que partilhou a sua foto no Colégio Militar, e escreveu:

O uniforme e os restantes símbolos militares são para quem os mereceu, os percebe e os respeita. Se há quem não o entenda, isso são outros carnavais.

José Lourenço, ex-líder do Chega Porto, que publicou várias fotos do tempo em serviu no exército:

Servi o exército português, não andei a brincar às fardas em almoços. Achei ultrajante.

PODE QUERER VER TAMBÉM:

André Ventura nunca foi à tropa mas quer o regresso do Serviço Militar Obrigatório

Task Force do Chega não usa máscara? Comitiva de André Ventura acusada de não cumprir medidas sanitárias

Bruxo de Fafe afirma ter feito uma aliança com André Ventura para salvar Portugal

Partilhe

Leave a Reply