Cheganos Oficiais, João Tilly, Pedro Bandeira Calheiros

Chega retirou a confiança política ao Candidato a Viseu pela imprensa! Coronel vai impugnar decisão quando for notificado!

Pedro Bandeira Calheiros, Vice-presidente do Chega Viseu, afirmou em declaração à imprensa que ainda não foi notificado da decisão do Chega (tomada em 25 de julho), mas só comunicada à imprensa depois das Autárquicas, de lhe retirarem a confiança política, no entanto avança que vai impugnar a decisão.

João Tilly, Presidente do Chega Viseu e Conselheiro Nacional Nº 1, revelou ao Jornal do Centro que a distrital de Viseu retirou a confiança política ao candidato do partido à Câmara Municipal de Viseu, e a mais dois militantes, resultante de um “acumular de atitudes que são muito irregulares”, nomeadamente com uma alegada agressão a um jovem. Decisão tomada no dia 25 de julho, revelada a André Ventura no mesmo dia, mas só divulgada depois das eleições para não prejudicar o partido na candidatura autárquica.
O Coronel de Cavalaria da Guarda Nacional Republicana e comandante da GNR em Viseu em 1993, candidato à Câmara de Viseu, que ficou-se pelos 2,95% nas Eleições para a Câmara e apenas um mandato para a Assembleia, ​lamentou que só tivesse sabido através da comunicação social.
Em declarações ao Jornal do Centro afirmou que vai impugnar a decisão, que ninguém do Chega lhe comunicou oficialmente a decisão, e não acha isso uma atitude correta:

Quando for notificado, uma vez que a notícia já passou para a comunicação social, farei a competente ação que se pautará por uma impugnação. E o resto das consequências logo se verá.
As coisas têm de ser tratadas a um nível onde a ética deve estar acima de tudo, mas não foi assim visto e tratado.
Quando uma informação deste teor passa para a comunicação social antes de serem comunicadas estas decisões a quem de direito, ou seja, aos diretamente implicados, isto quererá com certeza dizer qualquer coisa.

PODE QUERER VER TAMBÉM:

Chega retirou confiança política ao candidato à Câmara de Viseu em julho mas com efeitos só para depois das eleições

Jovem de Viseu acusa Candidato do Chega de ser um dos agressores e que os insultos homofóbicos começaram há cerca de meio ano

Chega da Moita bloqueou a mensagem onde promoviam o Nº 2 à Câmara e Secretário da Associação que organiza o Porto Pride e o Turismo LGBTI

Partilhe

Leave a Reply