André Ventura, António Tânger Correia, Cheganos Oficiais

Vice-presidente revela “Segredo de Estado”: “Criado grupo entre Secretas e a Polícia Judiciária para incriminar o Chega”

Apesar de ter afirmado, quando estava infetado com Covid-19, que estaria na mesma situação caso tivesse sido vacinado, André Ventura garantiu hoje à imprensa, mais uma vez, que não é Negacionista, e que o Chega não patrocina as manifestações Negacionistas.
Seguindo o caminho do artigo de Rodrigo Alves Taxa, Presidente do Conselho de Jurisdição, o Chega continua a afastar-se dos que são contra a vacinação, apesar de ter vários candidatos autárquicos que continuam a fazer campanha anti-vacinas.
O vice-presidente António Tânger Correia , revelou à imprensa um “Segredo de Estado”, ao anunciar que foi criado um “grupo de trabalho entre as secretas e a Polícia Judiciária para incriminar o Chega” numa alegada ligação aos negacionistas, que têm atacado figuras como o Vice-Almirante Henrique Gouveia e Melo, coordenador da Task Force da vacinação contra a covid-19 e Ferro Rodrigues, presidente da Assembleia da República.
André Ventura disse aos jornalistas que vai “procurar chamar ao parlamento quer a liderança da segurança interna, quer os Ministérios envolvidos, para saber se, de facto, há alguma tentativa do Governo de incriminar o Chega falsamente e de forma forjada ou falsa”.
Será que estão a arranjar desculpas para se afastarem dos negacionistas?

PODE QUERER VER TAMBÉM:

Presidente da Direção do CJN Chega ataca os Negacionistas e o Juiz Fonseca e Castro e já há militantes a ameaçar entregar o cartão

Alguns jovens do Chega esperam mais dados ou por decisão do Papa para serem vacinados

Conselheiro Nº 1 do Chega dizia que Nunca se vacinaria mas hoje levou a vacina anti-Covid

Partilhe

Leave a Reply