Bruno Nunes, Cheganos Oficiais, Pedro Filipe Soares

Chega acusado de discurso misógino e xenófobo no parlamento! Deputado do BE defende deputada do IL: “A vergonha deste país é o Chega!”

Bruno Nunes, deputado do Chega, disse hoje no plenário que a deputada da Iniciativa Liberal envergonhava as mulheres. Segundo o próprio, Patrícia Gilvaz chamou-lhe “parvo” (a deputada liberal corrige Bruno Nunes, afirmando que disse “isso é baixo” e não parvo).
Augusto Santos Silva interrompeu Bruno Nunes, com a ajuda de vários deputados das bancadas do PSD, IL, PS, e Bloco de Esquerda que começaram a fazer barulho, para lhe pedir para não usar estas expressões com nenhum colega.
A resposta veio depois da bancada do Bloco de Esquerda, que saiu em defesa dos imigrantes e das mulheres, Pedro Filipe Soares disse sobre as intervenções do Chega:

Preconceito contra os imigrantes, que como se prova com os números, têm um contributo liquido nas contas deste país, ajudam-nos a todos a ser melhor, porque nos trazem mais pluralidade, maior imaginação, maior inovação, maior capacidade para fazer coisas, mas são insultados pelas intervenções que o Chega tem neste plenário.
Preconceito contra as mulheres, o senhor deputado não tinha a coragem de dizer aqui que um homem o envergonhava, mas eu digo a si, envergonhou-me a mim como homem, o machismo da sua intervenção.
A senhora deputada defende as suas posições e eu posso não concordar com elas, mas respeito-a, por quem a elegeu, por quem ela é, e por todas as mulheres que ajudam este país a ser melhor, ao contrário do senhor deputado e do Chega, é uma vergonha o que fizeram aqui hoje, uma vergonha, preconceito do inicio ao fim do debate.
Se alguém envergonha não só o parlamento, não só a classe política, mas o país que deve muito aos emigrantes, que tem em quase todas as famílias pessoas que tiveram que sair do país por causa da política fascista que vocês defendem, são vocês.
Por isso a vergonha deste país é o Chega!

A intervenção do deputado do Bloco de Esquerda foi aplaudida por várias bancadas, enquanto que o líder parlamentar do Chega, Pedro Pinto, chamava palhaço ao líder parlamentar bloquista, Pedro Filipe Soares, durante a sua intervenção.


A Iniciativa Liberal reagiu nas redes sociais, dizendo que se “envergonha de ter sentado ao seu lado um deputado com um discurso misógino e xenófobo e reafirma as suas linhas vermelhas pela decência e pela dignidade”.

PODE QUERER VER TAMBÉM:

Deputado do Livre arrasou os “Falsos Amigos” da polícia: Chega e André Ventura, que depois de “bajular, usar e manipular, deitam fora”

Augusto Santos Silva repreendeu André Ventura para defender os imigrantes e o Chega abandonou mais uma vez o Parlamento

Momento de humor no Parlamento: Deputado do Chega chegou atrasado e não sabia que o seu grupo tinha abandonado

Partilhe

Leave a Reply