Anabela Seabra, Cheganos Oficiais, Gabriel Mithá Ribeiro

A manifestação dos professores contou com infiltrados de grupos antissistema e do partido Chega

A manifestação dos professores organizada pelo S.TO.P realizada no passado dia 14 de janeiro contou com infiltrados do grupo antisistema, agitadores profissionais e do Chega. O coordenador do Sindicato de Todos os Profissionais de Educação, André Pestana da Silva foi claro ao dizer que todos eram bem vindos, expecto o Chega, mas o partido de André Ventura, possivelmente prefere fingir que não percebe, e lá arranjou forma de tirar selfies “à pressa” junto dos manifestantes para poder partilhar nas redes sociais. A CNN Portugal também aproveitou as imagens da manifestação do S.TO.P., já que nas últimas manifestações de rua o Chega não conseguiu juntar mais do meia centena de apoiantes, para entrevistar um dos poucos professores do Chega, o deputado Gabriel Mithá Ribeiro.
Mas os cheganos não são os únicos a tentar fazer aproveitamento político, a CNN Portugal desmascarou Anabela Seabra, Presidente do movimento negacionista Associação 21/26 e Conselheira Nacional do ADN – Alternativa Democrática Nacional (uma espécie de Chega mas assumidamente antisistema), que marcou presença como professora na manifestação, mas que anteriormente identificou-se como Ana Desirat, politóloga de formação académica, mas também como não licenciada e bancária.
Vídeo da CNN Portugal a desmascarar Anabela Seabra:

PODE QUERER VER TAMBÉM:

Para o Sindicato STOP só o Chega não é bem vindo à luta dos professores “Não aceitamos partidos racistas e xenófobos”

CNN Portugal transformou uma manifestação contra a “Nova Ordem Mundial” numa manifestação do Chega: “Jornalixo é o braço direito do Fascismo”

Lista do deputado perdeu em Leiria, em Setúbal houve mais candidatos que votos, no Porto votaram 135 e em Beja 15 militantes

Partilhe

Leave a Reply