Cheganos Oficiais, Maria Vieira

Maria Vieira diz que a Invasão da Ucrânia pela Rússia foi engendrada e provocada pelo governo EUA + NATO + UE + ONU + “Media” e Redes Sociais

Maria Vieira, que diz já ter sido “bloqueada mais de 20 vezes”, está de regresso ao Facebook depois de mais um castigo de 30 dias por “mau comportamento”, e não perdeu tempo para dar a sua opinião sobre a invasão da Ucrânia pela Rússia. Apesar de já não surpreender pelas suas mensagens Negacionistas do Covid-19, xenófobas ou homofóbicas, a “influencer” do Chega, candidata a deputada pelo círculo de Lisboa e mandatária pelo círculo fora da Europa nas últimas eleições legislativas, tem uma opinião que consegue ser muito diferente daquela que o líder do partido de extrema-direita pretende passar.
Segundo Maria Vieira a guerra “foi engendrada e provocada pelo actual governo americano em conluio com os restantes membros da NATO, com a UE e com a ONU e com o apoio dos ‘media’ e dos donos das redes sociais”.
A deputada municipal do partido de André Ventura em Cascais diz que o Presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky, é um “fantoche pró-globalista”, e que Vladimir Putin é um “patriota, um nacionalista, um conservador e um cristão determinado”.
Maria Vieira escreveu hoje na sua página:

As plataformas da META, Facebook e Instagram, vão permitir a publicação de conteúdos violentos contra russos e soldados russos, mas também ameaças de morte tendo como alvo Vladimir Putin, enquanto durar o conflito armado na Ucrânia!
Enquanto isso, os conservadores e utilizadores de Direita são bloqueados em massa no mundo inteiro apenas por dizerem o que pensam (durante a «Palermia» foi um vê se te avias de bloqueios) eu já fui bloqueada mais de 20 vezes, tão só por expressar opiniões sem qualquer tipo de violência ou de ódio e o Dr. André Ventura, por exemplo, viu a sua conta no Twitter suspensa por «crime» de opinião, mas agora os fofinhos das redes sociais já podem desejar a morte ao Putin, aos soldados russos e ao povo russo, porque neste caso o ódio, a violência e o “bulling” são do bem e como são do bem podem ser manifestados em série e à bruta mesmo!
A mim o que me espanta é como ainda tem gente que não percebeu que esta guerra foi engendrada e provocada pelo actual governo americano em conluio com os restantes membros da NATO, com a UE e com a ONU e com o apoio dos “media” e dos donos das redes sociais, tal como aconteceu durante os dois anos que a «Palermia» durou, período durante o qual só se falava de «covidagem» na porcaria da televisão e em que quem discordasse da narrativa «covideira» era apelidado de «negacionista» e de louco e era socialmente ostracizado e bloqueado nas redes sociais!
O Putin não é nenhum santo (não tem político que o seja em absoluto) mas os «media» e os donos das redes sociais estão a programar os povos a odiar o presidente russo sobretudo porque ele colocou os americanos e os europeus globalistas no seu devido lugar e lhes transmitiu sem margem para dúvidas que a Nova Ordem Mundial não é definitivamente bem vinda na Rússia!
Dito isto, eu abomino todas as guerras e não concordo com invasões de territórios alheios, mas quando se quebram tratados como o Acordo de Minsk, que foi celebrado em 2014 entre os americanos, os russos e os ucranianos e quando se destitui o anterior presidente da Ucrânia para colocar no seu lugar um fantoche pró-globalista como o Zelensky, devia saber-se que coisa boa não iria vir por aí, sobretudo quando se estão a meter com um patriota, um nacionalista, um conservador e um cristão tão determinado quanto o Vladimir Putin…
Uma coisa é certa: se as eleições americanas não tivessem sido fraudadas e o Donald Trump ainda fosse presidente dos EUA, esta guerra jamais teria acontecido, tal como nenhuma outra guerra aconteceu durante o mandato do ex-presidente americano.😉

PODE QUERER VER TAMBÉM:

Marido de Maria Vieira insulta jornalista da SIC Notícias em direto perante olhar de André Ventura “SIC Lixo”

Maria Vieira já foi bloqueada no Facebook pelo menos 19 vezes mas volta sempre

Maria Vieira é candidata “não elegível” a deputada do Chega por Lisboa e Mandatária do Círculo Eleitoral Fora da Europa

Partilhe

Leave a Reply