Anti Cheganos, António Lima

Líder do BE Açores critica a falta de autonomia do Chega Açores “O líder decide e ordena o que farão os subordinados das ilhas”

O líder do Bloco de Esquerda Açores, reagiu à tomada de posição de André Ventura, que anunciou hoje que o Chega Açores vai retirar o apoio ao Governo Regional.
António Lima afirmou em declarações à Agência Lusa que o Chega é um partido que “não serve os Açores” pois encara as autonomias regionais como um sistema que pode ser “comandado a partir de Lisboa”.

As declarações do deputado André Ventura, o que demonstram, é a visão e a forma como o Chega e ele próprio encaram a autonomia, porque a veem como um sistema que pode ser comandado a partir de Lisboa.

Segundo o bloquista, um partido que vê a autonomia, uma conquista da democracia, desta forma, não interessa nem aos Açores nem ao país. António Lima escreveu na sua página no Facebook:

O Chega anunciou em Lisboa que retira o apoio ao governo regional do PSD/CDS/PPM. Por agora apenas digo que fica claríssimo o que pensa este partido sobre a Autonomia. O líder decide e ordena o que farão os subordinados das ilhas. Uma prática centralista e até autoritária do exercício do poder que não serve aos Açores nem ao país.

PODE QUERER VER TAMBÉM:

André Ventura retirou oficialmente o apoio do Chega ao Governo Regional dos Açores em retaliação a Rui Rio

Ex-deputado do Chega nos Açores responde às “birrinhas do lisboetazinho malcriado” André Ventura sobre a intenção de quebrar acordo com o PSD

Ex-Líder do Chega nos Açores diz que a “Seita de Carneiros Doentes” tem muitas ligações a negócios escuros

Partilhe

Leave a Reply