Últimas Notícias

Ex-Jornalista da Lusa mostra-se solidário com colega “racista” por causa da mnemónica

Rogério Bueno de Matos, cronista do jornal Público, mostrou solidariedade com o jornalista “racista” da Lusa.
Para o ex-jornalista da Agência Lusa, o seu ex-colega Hugo Godinho não terá entendido o orador quando este revelou a composição da comissão parlamentar, e identificou a deputada como “preta”, mas isso era apenas uma mnemónica, pois o mesmo podia acontecer se fosse loira teria escrito “loira”, se fosse oriental, talvez “chinesa”, se não tivesse uma mão, possivelmente “maneta” e se fosse gaga, certamente “gaga”. Felizmente que o jornalista em causa não teve necessidade de recorrer a mais mnemónicas, senão a situação podia ter sido mais complicada.
Rogério Bueno de Matos, Diretor Geral da Empresa de comunicação e notícias Bueno Press, não tem artigos no jornal Público online desde Outubro de 2014, voltou agora para escrever:

O cinismo da chamada “linguagem inclusiva” é desesperante. Preferindo o invólucro à substância, os formalismos aos conteúdos, o “faz de conta” ao real, os algozes da nova Inquisição fanatizam-se nos entusiasmos contagiantes do que julgam ser moderno e progressista, não vislumbrando o quanto se tornaram fanáticos e desumanos. Passarão de moda, como a História ensina.

Dos vários Likes que Rogério Bueno de Matos tem no seu Facebook, destacam-se os de cariz politico: Movimento Mais Republicano, PSD Campo de Ourique, Isaltino Morais, Iniciativa Liberal, João Cotrim, Movimento Zero, … André Ventura, Chega – Distrital de Évora.

Partilhe

Leave a Reply