André Ventura, Cheganos Oficiais, Pedro dos Santos Frazão

Dos 19 Vereadores do Chega só 1 pode fazer acordos pois o Chega vai expulsar autarcas que fizerem acordos com PS ou CDU

Dos 19 vereadores que o Chega elegeu, 8 vão encontrar um Presidente de Câmara com maioria (Serpa, Vila Verde, Loulé, Portimão, Cascais, Odivelas, Salvaterra de Magos e Mangualde), os outros 7 encontram lideranças do PS (Moura, Azambuja, Loures, Sintra, Vila Franca de Xira, Entroncamento, Moita, ), 3 pelo PCP/PEV (Benavente, Seixal e Sesimbra) e resta 1 vereador que encontra uma Câmara liderada pelo PSD é a Câmara Municipal de Santarém onde o Chega pode fazer acordo, pois o partido de André Ventura ameaça expulsar autarcas que fizerem acordos com PS ou com a CDU e admite entendimentos pontuais com o PSD.
Pedro dos Santos Frazão, o Vice-Presidente do Chega que partilha na sua página Fake News sem se dar ao trabalho de ver se o conteúdo da notícia é igual ao título, foi o autarca eleito pelo Chega em Santarém, onde o PSD tem 4 vereadores e o PS outros 4.
André Ventura disse ontem em conferência de imprensa:

Seremos implacáveis, ao nível disciplinar. Qualquer vereador, deputado ou membro de freguesia que decida viabilizar executivos, nomeadamente, socialistas e comunistas, estará a fazê-lo em violação grave dos seus deveres, e pode ir para a frente, mas não será com o aval do Chega, e os que o fizerem serão expulsos do partido.
Isto fica como aviso para um futuro Governo: nós não vamos ceder. Para haver qualquer acordo de soluções pontuais, acordos locais, o PSD tem de cumprir quatro exigências: o acordo da prevenção da corrupção, a redução da subsidiodependência a metade até final do mandato, um complemento solidário de idosos e um plano de acompanhamento da etnia cigana para garantir o cumprimento das regras do Estado de Direito. Está completamente fora de causa qualquer acordo nacional com o PSD de Rui Rio.

Ventura diz que não quer expulsar os ciganos do país, mas que há problemas que têm de ser resolvidos e até admite passar por cima da Constituição:

É-me relativamente indiferente que isto seja constitucional ou não, isto é um problema para as populações. Identificar problemas em que as mulheres são retiradas da escola, em que há casamentos forçados, em que há um excesso de subsidiodependência, em que há famílias a receber subsídios de duas câmaras porque têm morada em municípios vizinhos, portanto, há aqui um problema específico.

Resultados finais para a Câmara de Santarém
PSD 37,42 % – 10.069 votos (4 mandatos)
PS 33,26 % – 8.950 votos (4 mandatos)
Chega 7,93 % – 2.133 votos (1 mandato)
PCP/PEV 7,16 % – 1.927 votos
Bloco de Esquerda 4,21 % – 1.132 votos
CDS 2,62 % – 706 votos
Iniciativa Liberal 2,13 % – 574 votos
PAN 1,14 % – 306 votos
Brancos 2,77 % – 746 votos
Nulos 1,36 % – 366 votos
PODE QUERER VER TAMBÉM:

Vice-presidente do Chega não esconde a admiração por matador de touros que foi condenado por matar uma pessoa

Vice-Presidente do Chega apagou ou apagaram-lhe a notícia Fake que promoveu e revela que “não respeita” quem trabalha

Chega concorreu a 218 Câmaras e não venceu nenhuma! Perdeu mais de 289 mil votos

Partilhe

Leave a Reply