André Ventura, Cheganos Oficiais

André Ventura diz que abdicou de um salário que não existe! “Vejo a política como um serviço às pessoas!”

André Ventura diz que abdicou de um salário que não existe! O Polígrafo da SIC voltou a dar destaque ao seu melhor cliente, e esclarece que o cargo de deputado da Assembleia Municipal não é um cargo remunerado.
No entanto, os deputados municipais têm direito a uma senha de presença pela participação nos trabalhos da autarquia, e com base no total de eleitores inscritos em Moura, corresponde a 68,88 euros, por cada vez que compareça, e tendo em conta que no último mandato realizaram-se nove sessões, o líder do Chega poderia vir a auferir um montante anual em senhas de presença de cerca de 620 euros.
Antes das eleições, André Ventura escreveu na sua página:

Informei hoje, em Moura, que renunciarei a receber qualquer verba da Assembleia Municipal, caso seja eleito. Não basta falar, é preciso dar o exemplo. Desafio todos os outros deputados que são candidatos a fazerem o mesmo! Já gastamos muito dinheiro com políticos em Portugal!

Esta semana, voltou à carga:

Não sei se isto é verdade-até porque penso que alguns autarcas do CHEGA já o fizeram também – mas foi com enorme desapego e entrega que tomei essa decisão! Vejo a política como um serviço às pessoas!

PODE QUERER VER TAMBÉM:

Proposta do Chega para o RSI é Falsa! Mais de 50% não pode trabalhar e os outros não podem recusar emprego

Fact-check ao CMTV: António Costa tem Conta à Ordem mas não é obrigado a declarar ao TC

Polígrafo SIC fez Fact-Checking a mensagem dos Cheganos e o resultado foi Verdadeiro!

Partilhe

Leave a Reply