Cheganos Oficiais, João Tilly

A maioria dos deputados do Grupo Europeu do Chega votaram contra proposta de ajuda à Ucrânia

Dez dias antes de começar oficialmente a invasão da Ucrânia pela Rússia, no dia 14 de Fevereiro, o Parlamento Europeu votou e aprovou um pacote de assistência financeira de 1,2 mil milhões à Ucrânia para que o país pudesse “responder às necessidades de financiamento” agravadas pela escalada no conflito com Moscovo.
Os eurodeputados do Bloco de Esquerda (Marisa Matias e José Gusmão) abstiveram-se e os do PCP (Sandra Pereira e João Pimenta Lopes) votaram contra, o que serviu para João Tilly, Conselheiro Nacional Nº 1 do Chega, imitar o candidato a líder do CDS, Nuno Melo, e o deputado do PSD, Ricardo Baptista Leite, na condenação da atuação de BE e PCP no Parlamento Europeu.
No entanto não foram apenas os partidos mais à esquerda do parlamento português que se abstiveram, ou que votaram contra, aliás a maioria dos parlamentares que fazem parte do Grupo Parlamentar Europeu onde o partido de André Ventura está integrado fizeram o mesmo.
Dos 9 partidos que integram o Partido Identidade e Democracia, apenas os 24 deputados do partido Liga Norte de Itália votaram a favor.
32 deputados do ID votaram contra: Alternativa para a Alemanha, Reagrupamento Nacional (ex-Frente Nacional de Marine Le Pen), Liberdade e Democracia Direta da República Checa, Party for Freedom da Holanda, …
10 deputados do ID abstiveram-se: Vlaams Belang (Bélgica), Freedom Party of Áustria, Finns Party (Filândia), Danish People’s Party (Dinamarca), Partido Popular Conservador da Estônia.
Fonte Parlamento Europeu (páginas 6 e 7).

PODE QUERER VER TAMBÉM:

André Ventura faltou ao Debate no Parlamento para preparar reunião da ID “Por uma Europa para os europeus!”

Vice-presidente do Chega usa Plataforma que favorece a Extrema-direita para criticar os nossos deputados europeus e esquece-se dos comunistas

Vice-presidente do Chega “acusa” o Governo da Ucrânia de decisões irrefletidas, idiotas e perigosas e não compreende o coro de lamentações

Partilhe

Leave a Reply